Pesquisa

Translate Site

Instagram

O JB está agora no Instagram. Siga-nos aqui.

Voltar ao Topo

Campanha de Campo JBUTAD 2015

Publicado a 2014-12-03

Como cada ano, o Jardim Botânico organiza as suas campanhas de campo. Desta vez queremos voltar à tradição das excursões com os nossos amigos. Por essa razão voltamos a uma das paragens mais enigmáticas e grandiosas da Península Ibérica, o extremo ocidental da Cordilheira Cantábrica.

A partida está marcada para as 6:00 do dia 14 de maio de 2015. Nesse primeiro dia visitaremos os miniglaciares da Serra do Teleno, um cotovelo que encerra surpresas florísticas inesperadas. Através desta maravilha geomorfológica seremos espetadores de um dos fenómenos naturais mais dificilmente explicáveis, o do isolamento reprodutivo, que neste singular recanto montanhoso resulta muito comum graças à enorme variedade de ambientes que surgem, resultantes dessa inesperada torsão das suas montanhas. Mas abaixo, na vertente norte encontraremos uma das perspetivas mais privilegiadas sobre o rio Sil, uma perfeita réplica à escala do rio Douro. No fim dessa jornada encontraremos repouso na vila que todos os dias encontra o seu reflexo no espelho do passado. Sobre a barragem batizada com o seu nome, Riaño não consegue abandonar o berço que a criou. Hoje, sobre uma das encostas que em tempos o isolou num rico e revigorante vale, o novo Riaño nos contará o seu triste passado e a sua incurável mágoa, que clama pela vingança que inexoravelmente aguarda submersa nas águas da barragem.

O segundo dia descobriremos as muralhas da vida. Aquelas que impediram o acesso do terror glacial em troca de vida e respostas a uma pergunta sem pergunta. Os Picos de Europa surgirão aos nossos olhos pelo vale de Cares. Com o nome daquele que traiu, esta antiga passagem de conquistadores condenados ao exílio do traidor nos ensinará o segredo de Caín. A mentira do Homem e o desafio da vida serão o cenário ideal para evidenciar o dilema dos refúgios naturais, e as suas grandiosas implicações sobre a funcionalidade dos ecossistemas.

Todos aqueles que queiram vir connosco só têm que nos dizer a sua intenção. Esperamos por todos.

Voltar às notícias

Partilhe esta página

Comentários